5 jóias da paisagem natural Portuguesa

Estrada para a cascata do Poço do Inferno

Seguindo a tendência positiva de viajar mais dentro do país segue um conjunto de sugestões para quem gosta de natureza e/ou de fotografia.

Esta é uma lista arbitrária e não ordenada. Ficaram de fora várias outras jóias que não devem ser por isso consideradas menores.

Estes são locais que eu já visitei várias vezes em várias alturas do ano e que já explorei com algum grau de profundidade (e que já fotografei extensivamente também!).

Outono em Manteigas

Entrada em Manteigas pela estrada do vale glaciar

A zona de Manteigas tem vários locais de grande beleza, mas dentre eles vou realçar três.

O Covão da Ametade é um local idílico e que por isso normalmente é muito concorrido. Recomendo visitar de manhã bem cedo logo depois do nascer do sol. Trata-se de uma zona plana de origem natural, onde passa o rio Zêzere recém nascido, e que está repleta de vidoeiros.

Covão da Ametade

Ao sair do Covão da Ametade pode descer pela estrada do vale glaciar (muito bonita também, apesar de ser bastante estreita) e mesmo à entrada para Manteigas temos a estrada que vai dar à cascata do Poço do Inferno. Na minha opinião a estrada para o Poço acaba por ser mais bonita que o Poço em si, especialmente no Outono (imagem de capa).

Por fim temos as Faias de São Lourenço. Trata-se de um bosque de faias (mas que também tem por exemplo carvalhos na sua vizinhança) plantado pelos serviços florestais e que é especialmente bonito no Outono devido às cores das folhas. Para visitar as faias deve colocar o GPS para a Cruz da Jogadas, deixar lá o carro e seguir as indicações. Perto do bosque temos também a capela de São Lourenço, que vale a pena visitar devido à vista abrangente para este e aos carvalhos centenários lá presentes.

Faias de São Lourenço

Outono no Candal / Lousã

No Candal recomendo visitar a cascata. Fica situada num vale lindo e é de dimensões generosas. Para a poder apreciar completamente é preciso descer até à sua base, sendo que esta descida é bastante íngreme e deve ser feita com muito cuidado.

Cascata do Candal

Para além da cascata recomendo explorar a restante zona envolvente à aldeia. Há muitas árvores de grande porte que vale a pena ver.

Sobreiro de grande porte à entrada da aldeia (vindo da Lousã)

Por fim todo o resto da serra da Lousã é muito bonita também e vale a pena visitar (apesar da invasão cada vez mais preocupante de Acácias). Aqui realço a zona do Castelo e santuário.

Capela do santuário de Nossa Senhora da Piedade pela manhã

Fevereiro em Foz Côa

Amendoeiras em flor perto da estrada N222

Para ver as amendoeiras recomendo a estrada nacional 222, a estrada de Foz Côa para Murça e o Miradouro de São Martinho (este último têm vistas incríveis sobre o rio Douro).

Vista do Miradouro de São Martinho

Bussaco

O Bussaco é um local a visitar todo o ano. Na primavera devido ao viçoso renovado do verde, no verão pela frescura, no outono pelas cores da época e no inverno pelo nevoeiro que se forma nas serras.

Outono nos jardins do Bussaco

A serra do Bussaco (onde está localizada a mata) é também uma serra com vista privilegiadas. Do ponto mais alto, a Cruz Alta, o pôr-do-sol é incrível. De lá é possível ver o mar que está a uns 40km! Da serra também temos uma vista excelente sobre o Caramulo (uma outra serra perto de Tondela também muito bonita).

Pôr-do-sol na Cruz Alta
Vista para a serra do Caramulo (numa ermida acima das Portas de Coimbra)

Pateira de Fermentelos

A Pateira é também um local onde todas as estações têm o seu charme. Na primavera temos a chegada de muitas aves, no verão temos a frescura de toda a água, no outono as cores e no inverno as formas das árvores despidas.

Cegonhas nos campos da Pateira

A Pateira tem vários percursos muito agradáveis (recomendo começar do lado da localidade de Óis da Ribeira), mas o auge da beleza da Pateira é ao nascer do sol. É uma experiência única e que vale a pena fazer pelo menos uma vez.

Nascer do sol a partir do Miradouro de Espinhel

Um apelo

Se quiserem contribuir para termos no nosso país mais locais naturais com este tipo de beleza podem contribuir aqui para uma campanha de recuperação florestal que a Montis está a organizar. A Montis tem feito um trabalho muito bom não só em termos de recuperação natural mas também em educar e envolver as populações.

Todas as fotos foram tiradas por mim. Se quiserem ver mais do meu trabalho como fotógrafo podem seguir-me no instagram lfac_pt.

Bons passeios!

I like watching the sun set